APARTAMENTO DESCOLADO E CHEIO DE PERSONALIDADE!

Apesar do apartamento ter apenas 46 m² a reforma era grande. O terraço virou uma cozinha valorizando a vista e dinamizando o layout de forma a poder receber toda a família e os amigos em casa. Já a antiga cozinha foi transformada em um closet.

Como este era o primeiro apartamento de uma jovem empresaria. Os maiores desafios desta reforma seriam aproveitar ao máximo os materiais existentes, evitar gastos extras e vencer as limitações das pequenas dimensões deixando-o bonito e funcional. Assim foi aproveitado, de forma dinâmica, todo o gesso, pisos e revestimentos existentes. Onde o teto se encontrava na laje também não foi feito nenhum fechamento de forro. Todas as portas recebem uma bandeira superior para ampliar o pé direito e são pintadas de preto, assim o rodapé acompanha na cor contornado toda a casa. Este foi um artificio para trazer um ar de modernidade e refletir a personalidade forte desta cliente no ambiente em que ela habita.

SALA DE ESTAR

Aproveitando o ponto de luz existente na laje foi instalado um trilho de luz distribuindo melhor a iluminação e deixando a sala mais descolada.

Atrás do sofá foi proposto as molduras de boiserie feitas em gesso, branca, ela ganha destaque na sala sobrepostas na parede pintada de cinza. Esse elemento clássico traz um contraste ao estilo do apartamento e agrega sofisticação.

Para ambientes pequenos evitar excesso de informação é imprescindível para uma boa decoração. Por isso o sofá tem encosto baixo e linhas retas. A arandela lateral proporciona uma iluminação charmosa na mesa de apoio componível. O banquinho que se encaixa nela ajuda na hora de receber aquela visita extra. Para quebrar os tons de cinza e preto amplamente usados chegam as almofadas em tons mais alegres como o caramelo.

Um painel de fórrmica ebanizada camufla a porta de entrada para o ala íntima do apartamento e unifica a sala. A televisão tem seu equipamento escondidos num rack inferior fixo. Uma mesa móvel com rodinhas encaixa nesse painel, cria um nicho e apoio quando está nesta opção de layout e serve de mesa para comer no sofá quando chegar mais visitas.  

Nas duas laterais da televisão vemos duas prateleiras simétricas com um comprimento menor que o restante do rack possibilitando encostar mais duas cadeiras no espaço. Suas prateleiras expõem objetos de estima da cliente. Uma prateleira superior com iluminação de LED corre as duas laterais do apartamento, conectadas com o painel faz a união do espaço e aproveita a parte superior das paredes.

A mesa bar compõe um nicho, armário com duas portas de giro e uma colmeia para manter os vinhos organizados. O espelho esconde o fechamento de gesso feito da antiga entrada da cozinha. Finalizando o decor com personalidade o tapete em Chevron preto e branco demarca a sala de estar.

COZINHA NO TERRAÇO

Com a nova proposta de projeto a porta do terraço já não era mais necessária.  Foi necessário retirar, com cuidado, todo o piso do terraço para nivelar com a sala e instalar a hidráulica e elétrica requerida para a cozinha. Mais tarde fez-se um complemento na área do laminado que se encontrava limite do terraço com a sala. Para evitar diferenciação de cor por causa de lotes diferentes as réguas foram intercaladas entre antigas e novas.

Como as medidas eram restritas foi necessário pensar bem na forma de distribuição dos equipamentos e funcionalidade dos espaços. Começando pelo maior eletrodoméstico, a geladeira, para evitar que ela tampasse a janela o ideal era ficar no lado oposto da janela. No seu alinhamento encontra-se a bancada de pedra preta são Gabriel com a cuba centralizada, deixando espaço de bancada e área molhada bem distribuídos. O armário superior abriga o micro-ondas e ajuda na iluminação da bancada com uma fita de led embutida. Entre eles foi instalado um revestimento de tijolinho da Portobello na cor preta para unificar o espaço.

O armário inferior encaixa o forno e a lava-louças.

A ilha central aproveitando ao máximo o espaço deixando um corredor com as dimensões mínimas necessárias para o trabalho. Complementando a cozinha ela encaixa o cooktop descentralizado para ficar próximo a janela. Para a sua parte inferior sobrou os espaços para gavetas e armários organizacionais.  Para as refeições diárias temos uma madeira que contorna a ilha com uma altura mais baixa que a bancada, mantendo a altura padrão de mesa de alimentação. Os pendentes com cúpula de cimento deixam a luz ambiente mais gostosa durante a noite.

BANHEIRO

A cuba do banheiro, esculpida em quartzo branco, está localizada no corredor íntimo de forma a aproveitar melhor o espaço existente. Sua dimensão foi definida para aproveitar cada centímetro. Assim, na sua lateral está instalada a torneira em metal preto trazendo um destaque para o pequeno espaço. Na parte inferior da bancada temos uma prateleira, do mesmo material, servindo de apoio para o uso dos itens de higienização diária. 

Buscando evitar gastos desnecessários manteve-se o revestimento inicial no banheiro. Foi trocado apenas o piso do box, para colocar um ralo oculto, e a parede da janela, para construção de um nicho de shampoo embutido na alvenaria, que ao mesmo tempo que economiza espaço ajuda na organização dos itens de banho. Usou-se um revestimento de porcelanato amadeirado para trazer vida e cor para o banheiro. Na parte superior do espelho se encontra um pequeno pórtico da mesma madeira usada na sala para embutir dois pontos de luz focais para a hora de se arrumar.

DORMITÓRIO CASAL

Diferentemente do restante da casa a cor da madeira que demarca o quarto é clara e delicada, uma forma de trazer a sensação de tranquilidade para a hora do sono. Com o closet externo ao quarto pode-se aproveitar o espaço para colocar uma cama no tamanho Queen. A bancada lateral, requerimento inicial da moradora, guarda os assessórios de beleza, itens de maquiagem e serve de apoio para os objetos de uso diário.  Foi preferido encaixar um banco embaixo da bancada deixando assim o corredor da cama livre, já que o espaço era mínimo. O banco é completamente estofado com um tecido em linho. Seu pé em “x” preenche com charme esta área inferior. Como manteve-se o teto sem gesso, criou-se uma prateleira superior para embutir a iluminação auxiliar na hora da moradora se arrumar. O espelho completa a produção ocupando todo o espaço entre a prateleira e a bancada. Na outra lateral do quarto encaixa-se uma mesa de design diferenciado, metalizado, atendendo como mesa de cabeceira. Instalou-se na cabeceira um painel estofado de veludo na cor fendi. As almofadas e colchas da cama, rosa e lilás, finalizam a decoração brincando com um pouco de cor e trazendo um ar feminino ao quarto.

CLOSET

Um espelho de corpo inteiro está colado atrás da porta de correr que tem duas faces, pois no hall intimo sua face é de ébano. Onde era a antiga bancada da cozinha criou-se um closet em formato de “L” para aproveitar melhor os espaços de armazenamento. Suas divisões foram definidas de acordo com a necessidade da moradora. O piso de porcelanato instalado

ÁREA DE SERVIÇO

A moradora não queria quebrar nenhum revestimento existente e precisava de uma boa bancada de apoio para ajudar na organização diária. A condensadora do ar condicionado precisava de respiro por isso foi posicionado em cima da janela, o único lugar possível para que isso acontecer. De forma a tentar esconder um pouco o excesso de informação da máquina fez-se uma caixa de madeira. Onde se encontrava o ponto existente da torneira não cabia um tanque então a solução foi embutir uma cuba pequena para assessorar na limpeza.

Ao lado da máquina de lavar roupas, para a aproveitar o espaço que sobrou, criou-se um nicho de marcenaria. O varal fixo no teto aproveita o espaço. Essa área de serviço foi um verdadeiro desafio para o escritório!

Horário de atendimento:  Segunda a Sexta das 9:00 às 18:00 horas.